Elastica comunica novo financiamento

EmpresasNegócios

A Elastica saiu furtivamente esta manhã, depois de ter adquirido da Mayfield Fund 6,3 milhões de dólares em capital de risco. A empresa disse que vai usar o investimento para levar a sua oferta de CloudSOC (centros de operações de segurança) a todas as empresas. A proliferação de empresas de Software-as-a-Service e de BYOD parece

A Elastica saiu furtivamente esta manhã, depois de ter adquirido da Mayfield Fund 6,3 milhões de dólares em capital de risco. A empresa disse que vai usar o investimento para levar a sua oferta de CloudSOC (centros de operações de segurança) a todas as empresas.

SAAS

A proliferação de empresas de Software-as-a-Service e de BYOD parece estar sempre acompanhada pela alegada “TI sombra”, devido, em grande parte, a uma falta de visibilidade de aplicações não sancionadas (e muitas vezes sancionadas).

A oferta da Elastica pretende essencialmente desvendar estas “TI sombra”, assegurando aplicações SaaS. Fá-lo implementando controlos de segurança para aplicações que funcionam numa dada rede, bem como providenciando auditabilidade, controlos de acesso universal para utilizadores em dispositivos móveis e computadores, garantia de fiabilidade e deteção de ameaças em tempo real.

A empresa revela que o seu segredo advém dos algoritmos de machine learning que emprega para deteção de ameaças em tempo real, que diz detetarem ameaças sem que seja preciso um escrutínio de milhões de dados do histórico.

Rehan Jalil, presidente e CEO da Elastica, diz que a empresa está focada em ajudar as empresas a adquirirem a agilidade comercial, as capacidades colaborativas e as eficiências de custo que precisa para competir eficazmente no mercado dos dias de hoje.


Clique para ler a bio do autor  Clique para fechar a bio do autor