Digital Advertising em debate no eShow 2013 [com vídeo]

e-MarketingEmpresasNegócios

A Internet é uma aposta cada vez mais comum nas estratégias de marketing, principalmente quando complemento aos meios mais tradicionais. No Fórum Digital Advertising, a primeira conferência do segundo dia do Eshow Lisboa 2013, estiveram presentes Pedro Monteiro, da Ford Motor Company, Tiago Flemming, do Banco Carregosa, Nuno Amaral Frazão, da Isobar, e Ana Margarida

A Internet é uma aposta cada vez mais comum nas estratégias de marketing, principalmente quando complemento aos meios mais tradicionais.

DA_0No Fórum Digital Advertising, a primeira conferência do segundo dia do Eshow Lisboa 2013, estiveram presentes Pedro Monteiro, da Ford Motor Company, Tiago Flemming, do Banco Carregosa, Nuno Amaral Frazão, da Isobar, e Ana Margarida Santos, da Sonae MC, apresentaram as experiências das suas empresas na publicidade digital. A conclusão tirada foi que o digital advertising é importante, não podendo ser deixada de parte numa campanha.

Nuno Amaral Frazão apresentou a experiência com o lançamento do Fairy Roupa, onde o desafio era chegar a um maior número de potenciais consumidores, sabendo que a televisão é o meio que mais audiência tem, pelo menos para o setor que a marca pretendia atingir, mas que é “cada vez mais fragmentada pelo multiscreen e pelo multitasking”.

Ana Margarida Santos, por sua vez, falou do “Mega Picnic” e “Mercado de Sabores” e de como conseguiram dar notoriedade à marca através de uma campanha, para ambos os eventos, através de vários meios, tanto tradicionais, como a televisão e a rádio, como mais modernos, como a Internet.

Pedro Monteiro considera que estamos a deixar passar as mais-valias do digital, ao afirmar que o “digital permite trabalhar a marca e fazer o tracing, ver a influência que tem no cliente”. A campanha de um novo produto da empresa foi suportada pela televisão e online, onde, graças a este último, a marca recebeu mais de 300 marcações de test driving em que 84 foram convertidas em compras efetivas.

O lançamento com recurso aos meios digitais de uma nova marca do Banco Carregosa é também uma história de sucesso. O online somou 70 por cento do investimento. A campanha envolveu banners, aplicações específicas para smartphones, tablets, entre outros. Segundo Tiago Glemming, os resultados são “muito satisfatórios”.


Clique para ler a bio do autor  Clique para fechar a bio do autor