Dataiku angaria mais de três milhões de euros para Big Data

Big DataData-StorageNegócios

O Big Data é um setor em crescimento e com ele aumentam também os valores de investimento. A startup francesa Dataiku obteve um financiamento de 3,2 milhões de euros, que vão permitir a continuação do desenvolvimento de software dedicado ao processamento de dados. A Dataiku angariou 3,2 milhões de euros de investidores como a Alven

O Big Data é um setor em crescimento e com ele aumentam também os valores de investimento. A startup francesa Dataiku obteve um financiamento de 3,2 milhões de euros, que vão permitir a continuação do desenvolvimento de software dedicado ao processamento de dados.

Big Data

A Dataiku angariou 3,2 milhões de euros de investidores como a Alven Capital e a Serena Capital, para poder continuar a trabalhar em tecnologias na área de Big Data. Data Science Studio é o nome do produto que está a desenvolver e que oferece uma vasta gama de serviços dedicados a equipas que trabalhem com dados.

Este software é utilizado para recuperar, tratar e processar dados que tenham algum problema e, que por isso, não estejam prontos a serem usados. O Data Science Studio apresenta, no final, o resultado do tratamento feito aos dados através de elementos visuais sendo que foi criado a pensar em equipas de trabalho e não para apenas um profissional.

A Dataiku foi criada em 2013 e tem o software disponível tanto numa versão grátis como paga. Enquanto na primeira tem já centenas de utilizadores, na versão paga tem apenas 20 clientes das áreas de retalho e seguros. Ainda assim, o CEO, Florian Douetteau, garante que a startup tem sido rentável.

Douetteau acrescenta também que o crescimento poderá aumentar em breve, já que a necessidade de software de Big Data é cada vez maior e que o número de equipas especializadas nesta tecnologia também tem tendência a aumentar.


Clique para ler a bio do autor  Clique para fechar a bio do autor