Constructel desenvolve projetos de rede móvel para a Huawei

4GEmpresasMobilidadeNegóciosProjetos
0 6 Sem Comentários

A Constructel, empresa do grupo Visabeira, finalizou nas ilhas Faroé, Dinamarca, um projeto de rede móvel para o operador local Føroya Tele. Contratada pela Huawei, a Constructel levou a cabo os serviços de modernização das redes 2G/3G/4G com o objetivo de melhorar significativamente as comunicações de voz e dados na rede existente por todo o país.

Na execução dos trabalhos para a multinacional chinesa de telecomunicações estiveram envolvidas algumas dezenas de colaboradores, entre técnicos, engenheiros e administrativos, deslocados da Alemanha e de Portugal.
 A especificidade geográfica das diversas ilhas daquele território dependente da Dinamarca obrigou à utilização de helicópteros e aviões para transporte de equipamentos e técnicos, numa operação de grande envergadura logística.

Este projeto de modernização da rede móvel nas Ilhas Faroé confirma a Constructel como uma das principais empresas de serviços de telecomunicações para a Huawei nos países nórdicos e na Alemanha, assumindo-se como parceiro preferencial do gigante mundial das telecomunicações.

Da parceria tem resultado a atribuição de prémios por parte da multinacional chinesa ao grupo Visabeira, o último dos quais na Huawei Global Engineering Partner Convention 2016, que decorreu recentemente em Shenzhen, na China, e que distinguiu o trabalho realizado pela Constructel na instalação de redes móveis na Dinamarca e Ilhas Faroé, bem como a prestação de consultoria técnica da área da rede coaxial.

Anteriormente a Constructel Alemanha foi galardoada pela Huawei como Best Corporative Award, pelo trabalho desenvolvido na Dinamarca num projeto de abrangência nacional de remodelação de rede móvel. O prémio foi entregue por ocasião do “CEE Nordic Core Partner Convention Meeting”, que se realizou no 4º trimestre do ano passado em Praga, República Checa.

Para além da Dinamarca, a Constructel e a Huawei desenvolvem projetos em conjunto na Alemanha, Suécia, Portugal e Moçambique.


Clique para ler a bio do autor  Clique para fechar a bio do autor