Concursos Portugal 2020 já abriram

Negócios

Já começaram os concursos Portugal 2020, através dos quais as empresas portuguesas podem candidatar-se a fundos comunitários para potenciarem a internacionalização e qualificação de projetos conjuntos. De acordo com a agência Lusa, o Secretário de Estado da Inovação, Investimento e Competitividade, Pedro Gonçalves, afirmou que a continuação do acesso aos fundos comunitários está fortemente dependente

Já começaram os concursos Portugal 2020, através dos quais as empresas portuguesas podem candidatar-se a fundos comunitários para potenciarem a internacionalização e qualificação de projetos conjuntos.

pedro gonçalves

De acordo com a agência Lusa, o Secretário de Estado da Inovação, Investimento e Competitividade, Pedro Gonçalves, afirmou que a continuação do acesso aos fundos comunitários está fortemente dependente do aumento do volume de exportações por parte das empresas beneficiárias.

Pedro Gonçalves disse também que os investimentos deverão rondar os 95 milhões de euros, sendo que 70 milhões estão destinados à internacionalização e 25 milhões à qualificação de empresas.

Numa primeira fase, o concurso estará limitado a um montante de 7,5 milhões de euros, sendo o principal objetivo a potenciação do volume de exportações das empresas nacionais, numa tentativa de ajudar as organizações a elevarem os seus negócios a um plano transnacional e aí reforçarem as suas operações.

O Secretário de Estado avançou ainda que para que as empresas possam conservar o acesso aos fundos terão que provar serem capazes de solidificar as suas competências ao nível das exportações.

O concurso destinado à qualificação, por outro lado, estará condicionado a um valor de três milhões de euros, pelo menos na primeira ronda de candidaturas.

O Ministro da Economia, António Pires de Lima, disse que, em 2015, o Governo quer fazer chegar às empresas 4,4 mil milhões de euros, sendo que 9,5 milhões deverão ser canalizados para fomentar a competitividade e a inovação das empresas lusitanas. Este valor, segundo Pires de Lima, afigura-se como 20 por cento superior ao do anterior QREN (Quadro de Referência Estratégico Nacional).

Os concursos deverão estender-se de 30 de dezembro até ao próximo dia 13 de fevereiro de 2015.


Clique para ler a bio do autor  Clique para fechar a bio do autor