Comissão Europeia investe em empreendedorismo jovem

EmpresasNegócios

A Comissão Europeia vai disponibilizar 15 milhões de euros para apoiar o empreendedorismo jovem, na primeira iniciativa lançada com fundos do novo programa-quadro de investigação e inovação. Do total do valor investido, cerca de cinco milhões serão para a promoção do empreendedorismo na área das Tecnologias da Informação, nomeadamente em escolas secundárias e universidades. O

A Comissão Europeia vai disponibilizar 15 milhões de euros para apoiar o empreendedorismo jovem, na primeira iniciativa lançada com fundos do novo programa-quadro de investigação e inovação.

EuropeDo total do valor investido, cerca de cinco milhões serão para a promoção do empreendedorismo na área das Tecnologias da Informação, nomeadamente em escolas secundárias e universidades. O principal objetivo é combater o medo de falhar, que impede muitas vezes o lançamento de mais iniciativas deste género.

Os restantes dez milhões de euros servirão para apoiar quem já abraçou o empreendedorismo, através de serviços que permitam facilitar e qualificar esses projetos, tendo em vista aceleradores, incubadoras, hubs, clusters e outras estruturas de apoio ao empreendedorismo.

Já abriu no passado diz onze deste mês a call para apresentação de propostas e vai-se prolongar até ao dia 23 de abril do próximo ano, sendo uma das ações previstas no programa Startup Europa.

Iniciativas que desenvolvam novos serviços para empreendedores na Europa, numa lógica de ligação entre ecossistemas e estruturas locais de apoio a esta dinâmica, e a garantia de financiamento para ações que dinamizem e ajudem a promover as plataformas de apoio ao empreendedorismo e os serviços que estas oferecem, são as duas áreas elegíveis.

De acordo com um comunicado, a Comissão Europeia explica que o objetivo desta medida é criar condições para transformar a cultura empreendedora no continente europeu, dando aos estudantes a confiança, competências e apoio necessário para estes lançarem os seus negócios e transformarem em projetos globais as startups lançadas no velho continente.


Clique para ler a bio do autor  Clique para fechar a bio do autor