Comcast desafia Sprint e vence a primeira ronda

Negócios

A Comcast, a maior empresa norte-americana de telecomunicações por cabo, conseguiu arrecadar 7,5 milhões de dólares em compensações desembolsadas pela operadora Sprint, que ao fim de quatro dias de julgamento num tribunal federal foi considerada responsável pela infração de patentes relativas a tecnologias de telecomunicações. Procurando conquistar a devida aprovação regulatória para adquirir a sua

A Comcast, a maior empresa norte-americana de telecomunicações por cabo, conseguiu arrecadar 7,5 milhões de dólares em compensações desembolsadas pela operadora Sprint, que ao fim de quatro dias de julgamento num tribunal federal foi considerada responsável pela infração de patentes relativas a tecnologias de telecomunicações.

Comcast

Procurando conquistar a devida aprovação regulatória para adquirir a sua rival Time Warner Cable por 45,2 mil milhões de dólares, a Comcast processara a Sprint em 2012, num tribunal em Delaware, alegando que a operadora de telecomunicações wireless utilizara – ilegitimamente – a sua tecnologia para cal-routing na Internet e nas linhas telefónicas tradicionais.

Matthew Lehr, advogado de defesa da Comcast, avançou que a empresa tem direito a compensações pelos danos causados pela Sprint por utilização indevida de tecnologia patenteada.

Por seu lado, Brian Riopelle, defensor da Sprint, afirmou que a operadora não incorreu em qualquer infração sobre nenhuma das três patentes em questão, e que a Comcast – que inicialmente exigira uma indeminização de 16,5 milhões de dólares – está na posse de patentes exageradamente amplas que não deixam espaço de manobra para as restantes empresas do setor.

Uma porta-voz da Sprint, Stephanie Vinge Walsh, explicou que a Comcast submetera o referido processo após a operadora tê-la acusado de violar propriedade intelectual da Sprint. Esta batalha judicial deverá ter início no ano de 2016, pelo que ainda não está à vista um fim para a contenda entre as duas empresas norte-americanas.


Clique para ler a bio do autor  Clique para fechar a bio do autor