Coimbra vai ter supercomputador com tecnologia Fujitsu

Data-Storage

A Universidade de Coimbra vai ter uma nova infra-estrutura tecnológica, fornecida pela Fujitsu. O objetivo é ter o maior projeto de High Performance Computing (HPC), para desenvolver o tecido empresarial regional e nacional. O novo supercomputador vai ser também a base da infraestrutura de HPC de âmbito nacional, aprovada recentemente pela Fundação de Ciência e

A Universidade de Coimbra vai ter uma nova infra-estrutura tecnológica, fornecida pela Fujitsu. O objetivo é ter o maior projeto de High Performance Computing (HPC), para desenvolver o tecido empresarial regional e nacional.

gpu_pic_1_large

O novo supercomputador vai ser também a base da infraestrutura de HPC de âmbito nacional, aprovada recentemente pela Fundação de Ciência e Tecnologia. Esta infraestrutura de Coimbra será a representante portuguesa na infraestrutura europeia de HPC PRACE (Partnership for Advanced Computing in Europe).

A IDENTITY, parceiro de canal da Fujitsu, será a empresa responsável pela implementação da infraestrutura, onde serão instalados os servidores de elevada densidade Fujitsu PRIMERGY CX400.

O novo HPC será composto por 164 nós de computação, 328 processadores, num total de 3936 núcleos de processamento, para um desempenho teórico de 85 TFlop/s – com um consumo máximo de apenas 65 kW.

A escolha da Universidade de Coimbra é justificada pelo sistema de baixo consumo energético, entre os locais a concurso. Para além disso, era também a proposta com melhor desempenho em aplicações com fins científicos e industriais.


Clique para ler a bio do autor  Clique para fechar a bio do autor