Clientes passaram a ser principal prioridade dos CIO

Negócios
0 0 Sem Comentários

Os Chief Information Officers (CIO) estão hoje mais focados nos clientes do que no desempenho do negócio, o que significa uma mudança nas prioridades destes profissionais, segundo o estudo Global CIO Survey 2016-2017, publicado pela Deloitte. Em comunicado enviado à imprensa, a Deloitte destaca que, na edição anterior, os inquiridos a indicar os clientes como prioridade fixou-se

Os Chief Information Officers (CIO) estão hoje mais focados nos clientes do que no desempenho do negócio, o que significa uma mudança nas prioridades destes profissionais, segundo o estudo Global CIO Survey 2016-2017, publicado pela Deloitte.

Em comunicado enviado à imprensa, a Deloitte destaca que, na edição anterior, os inquiridos a indicar os clientes como prioridade fixou-se nos 45%, 7 pontos percentuais abaixo do valor de 2016. 

Apesar dos clientes continuarem a ser a primeira prioridade em oito dos dez setores representados no estudo, apenas 45% dos CIO afirmaram que a área das tecnologias de informação (TI) está envolvida na melhoria da experiência do cliente através das competências de TI, com 28% dos CIO a sentirem que as suas organizações se situam abaixo da média em matéria de competências digitais

Os resultados do estudo mostram também que três quartos dos CIO consideram que o alinhamento das TI com a estratégia de negócio e com os objetivos de desempenho é a principal competência de TI para o seu sucesso, seguida da execução dos projetos tecnológicos, com 55%, e da visão e estratégia, com quase 50%. 

Adicionalmente, o Global CIO Survey deste ano encontrou diferenças substanciais entre as expetativas de negócio e as competências das TI, em áreas-chave que incluem a inovação e a cibersegurança.

Cerca de 57% dos CIO afirmam que as áreas de negócio esperam obter apoio na inovação de negócio e no desenvolvimento de novos produtos e serviços, mas mais de metade dizem que não existem de momento, ou estão ainda em processo de definição, prioridades em matéria de inovação e tecnologias disruptivas.

Da mesma forma, 61% dos CIO identificam a cibersegurança como uma expetativa fundamental, mas apenas 10% assinalam a cibersegurança e a gestão de risco nas TI como uma grande prioridade.

 


Clique para ler a bio do autor  Clique para fechar a bio do autor