Cisco alarga conceito de colaboração à nuvem

Cloud

A nova proposta oferece a possibilidade de realizar reuniões, trocar mensagens e fazer chamadas na cloud, diz a empresa norte-americana.

A Cisco não faz por menos e diz que “reinventou uma vez mais a experiência de colaboração”. Isto porque juntou numa mesma oferta, gerida a partir da cloud, os três tipos de comunicação mais usados pelos utilizadores no trabalho: reuniões, troca de mensagens e chamadas.

A empresa acaba de anunciar também, por ocasião do evento Collaboration Summit, decorrido em São Francisco, a possibilidade de conectar os seus telefones e sistemas de videoconferência à Cloud para aceder através deles a estes serviços.

Segundo a Cisco, com apenas um clique é possível converter uma chamada telefónica numa reunião de vídeo ou transferir uma videochamada a partir de uma sala de reuniões virtual para o telemóvel do utilizador e passá-la a outra sala de forma a que nunca se perca a comunicação, mesmo em movimento.

Outro anúncio realizado foi o Cisco Spark Hybrid Services, um conjunto de serviços que permite conectar estes equipamentos à cloud. Por exemplo, ao realizar uma chamada a partir de um telefone IP, cria-se automaticamente uma reunião numa sala Spark à qual têm acesso ambos os interlocutores e onde podem partilhar conteúdo com um clique. “É uma experiência totalmente transparente para os utilizadores, já que não é necessário configurar a dita sala, que está disponível à partida e logo quando se necessita”, lê-se no comunicado que enviaram à imprensa.


Clique para ler a bio do autor  Clique para fechar a bio do autor