China aprova piloto para abertura de mercado de telecomunicações

EmpresasMobilidadeNegócios

A China aprovou um esquema piloto que permite que as empresas privadas invistam nos três principais fornecedores de telecomunicações do país para oferecer serviços próprios, abrindo o maior mercado de telecomunicações do mundo a uma maior competição. As autoridades chinesas aprovou onze “operadoras virtuais” privadas para vender serviços de telecomunicações móveis, segundo o comunicado do

A China aprovou um esquema piloto que permite que as empresas privadas invistam nos três principais fornecedores de telecomunicações do país para oferecer serviços próprios, abrindo o maior mercado de telecomunicações do mundo a uma maior competição.

ChinaAs autoridades chinesas aprovou onze “operadoras virtuais” privadas para vender serviços de telecomunicações móveis, segundo o comunicado do Ministro da Indústria e das Tecnologias da Informação.

O piloto abre o mercado a uma corrida de empresas privadas para oferecer descontos ou negócios mais atrativos, aumentando a competição num mercado dominado por empresas do estado, a China Mobile, China Telecom e China Unicom Hong Kong.

Durante o piloto, as empresas privadas vão poder comprar serviços de telecomunicação a “grosso” aos fornecedores que têm a sua própria rede móvel e vendê-los aos consumidores finais.

A China Mobile domina o mercado doméstico com mais de 760 milhões de subscritores. A China Unicom tem 280 milhões e a China Telecom 185 milhões.


Clique para ler a bio do autor  Clique para fechar a bio do autor