Chega a Portugal nova app de pagamentos móveis SEQR

AppsMobilidade

A empresa sueca SEQR, do grupo Seamless, apresentou hoje oficialmente a sua aplicação homónima de pagamentos móveis, numa manobra que reflete o crescendo da força do comércio digital e a emergência de um novo consumidor, cada vez mais exigente e sem tempo a perder. A introdução da mobile wallet SEQR no mercado nacional segue no

A empresa sueca SEQR, do grupo Seamless, apresentou hoje oficialmente a sua aplicação homónima de pagamentos móveis, numa manobra que reflete o crescendo da força do comércio digital e a emergência de um novo consumidor, cada vez mais exigente e sem tempo a perder.

pagamento online seqr

A introdução da mobile wallet SEQR no mercado nacional segue no encalço do aumento do número de smartphones (com uma penetração de 39,5 por cento em Portugal), que tendencialmente afastam-se do convencional paradigma de aparelho de comunicação, visto que cada vez mais são utilizados para efetuar compras via Internet.

O diretor de Marketing da Seamless, Anders Forssten, afirmou hoje, em Lisboa, no decorrer do lançamento oficial do serviço, que um dos aspetos que diferencia a SEQR de outras soluções de pagamento móvel é a capacidade de dispensar muitos dos intermediários que compunham todo o processo tradicional de compra, com cartão ou mediante recurso a serviços de pagamento mobile baseados em cartões. Desta forma, continuou o executivo, a cadeia de compra resume-se a cinco etapas, ou intervenientes: o Consumidor, o Comerciante, a SEQR, o Banco do Consumidor, e o Banco do Comerciante.

Com capacidade para efetuar transações através da leitura de QR Code ou através de tecnologia de interação por proximidade (NFC), a SEQR permite efetuar compras in store, mas também fora da loja física, navegando, assim, pelo mar crescentemente pujante do comércio digital.

A empresa SEQR, avançou Forssten, está agora fortemente focado nos mercados europeu e norte-americano.

O country manager da SEQR Portugal, João Duarte, disse que o serviço de pagamentos móveis conta já com 500 lojas aderentes a nível nacional, e que em algumas regiões da Europa já estendeu o braço a parques de estacionamento e a postos de abastecimento de combustível.

“O nosso sistema de pagamento é 50 por cento mais rápido que o sistema de pagamento por cartão de débito”, asseverou João Duarte, que, quando questionado pela B!T face à potencial ameaça que poderia representar a aplicação MB WAY – serviço de pagamentos mobile desenvolvido pela SIBS e que será lançado no próximo mês de abril – revelou-se inequivocamente tranquilo, pois, segundo o próprio, a SEQR é pioneira no mercado e não está dependente de nenhuma parceria ou acordo com nenhuma entidade bancária, visto operar sobre o Protocolo SEPA (Área Única de Pagamentos em Euros), contrastando com outras aplicações de natureza semelhante.

À B!T, João Duarte afirmou que a aplicação deverá chegar à esfera dos pagamentos mobile dos Estados Unidos durante o próximo ano.


Clique para ler a bio do autor  Clique para fechar a bio do autor