Chega ao mercado português mais uma marca chinesa de smartphones

Mobilidade

Mais uma vez a China quer conquistar o mercado português e desta vez lança o smartphone Wiko de útima geração. Os novos smarthones chegaram a um preço bastante competitivo e a empresa chinesa promete “dar que falar”. A Wiko integra sistema operativo Android e suporta dois cartões SIM que permite separar a vida pessoal da

Mais uma vez a China quer conquistar o mercado português e desta vez lança o smartphone Wiko de útima geração.

6ccee30ff70a468792d2fd92940545bbOs novos smarthones chegaram a um preço bastante competitivo e a empresa chinesa promete “dar que falar”.

A Wiko integra sistema operativo Android e suporta dois cartões SIM que permite separar a vida pessoal da profissional.

A fabricante chinesa é filial da  europeia Tino Mobile presente em 30 países  que revelou ter 600 trabalhadores na área de investigação e desenvolvimento, dos 1000 funcionários que possui.

Neste momento a fabricante encontra-se numa quarta posição atrás da Huawei, ZTE e TCL.

A Wiko para além de smartphones também comercializa telemóveis básicos e só em 2012 vendeu 25 milhões de telemóveis em todo o mundo.

Este ano a empresa pretende subir os valores, principalmente com a competividade de preços dos smartphones que em Portugal variam de 89 e 299 euros.

A empresa afirma ainda que apesar de Portugal possuir uma das taxas mais altas de penetração de telemóveis, no mercado de smartphones encontra-se abaixo da média europeia devido aos preços elevados dos equipamentos e é precisamente neste factor que a Wiko pretende apostar.


Clique para ler a bio do autor  Clique para fechar a bio do autor