CES 2017 | Na nova TV da Sony o som sai pelo ecrã

Inovação

A BRAVIA OLED foi apresentada durante a CES e é apenas um dos muitos produtos que a Sony apresentou na feira de tecnologia.

A Sony focou-se na tecnologia HDR para elevar a qualidade de imagem e assim “proporcionar aos seus clientes experiências mais realistas”.

Em comunicado, a empresa apresentou os produtos presentes no stand da CES, entre eles a nova série A1 do BRAVIA OLED. Esta televisão inclui o 4K HDR processor X1 Extreme que permite usar o potencial dos painéis OLED autoemissores. Estes paíneis geram “pretos profundos e realces brilhantes que reproduzem mais fielmente as imagens do mundo real”. Uma das novidades desta TV é ter incluída a tecnologia Acoustic Surface que torna o ecrã nas colunas. As colunas deixam de existir e o som passa a ser emitido do ecrã, isto permite que a imagem e o som se tornem um só, “acentuando o realismo do que se está a ver.” Quanto ao design, visto não existirem colunas, esta série tem o formato sem base e sem colunas.

A Bravia XE93 possui também qualidade 4K HDR e a tecnologia Slim Backlight Drive+(plus), exclusiva para esta televisão. Esta tecnologia permite elevar o brilho e constaste “a níveis nunca antes atingidos”.

“Quando é fixado na parede, este novo televisor BRAVIA quase que se funde com a mesma, graças ao seu elegante fator de forma que torna visível apenas a imagem” diz a marca em comunicado.

Quanto aos equipamentos de som, a Sony apresentou a nova barra de som, a HT-ST5000 que permite alta resolução e formato surrond 3D da Dolby Atmos que permite maior imersão. Possui também a tecnologia S-Force Pro Front Surround que faz com que o som encha a divisão. Também o novo amplificador multicanal STR-DN1080 junta a alta resolução do DTS:X ao Dolby Atmos gerando som em três dimensões.

A combinação dos produtos de áudio compatíveis com Wi-Fi e televisores Android 4K está a ser, igualmente, demonstrada na CES. Esta combinação permite, com a compatibilidade do Google Home e através do Google Assist, fazer streaming de aúdio pelos dispositivos da casa ou aceder ao YouTube com comandos de voz.

A Sony apresentou também soluções de imagem como o novo projetor de luz laser Ultra Short Throw VPL-VZ1000ES que possui uma lente Ultra Short Throw para projetar à distância de 6 polegadas.

Quanto a câmaras, a Sony levou até à CES a câmara sem espelho α6500 com sensor APS-C. Esta máquina permite a captação contínua de 11 fps com estabilização de imagem ótica de 5 eixos.

No seu espaço na feira, a Sony criou um sistema de ecrãs de grande escala; levou a Playstation VR, que permite jogar em realidade virtual e apresentou o conceito LifeSpace UX que propõe a transformação da sua sala de estar. Um desses modelos é o “New 4K Projector – Está tudo aqui -que propõe novos encontros entre conteúdos distintos, como livros, filmes e música”. Todo o conteúdo pode estar a ser projetado na parede, e, no caso dos livros, os mesmos podem até ser folheados.


Clique para ler a bio do autor  Clique para fechar a bio do autor