Big data da Microsoft prevê vitória da Seleção Nacional

Big DataData-Storage
1 22 Sem Comentários

A poucos dias do primeiro jogo da Seleção Nacional no Campeonato da Europa de França, a Microsoft anunciou os resultados da aplicação da sua tecnologia preditiva ao futebol: Portugal vai vencer os três jogos da fase de grupos.

Três jogos, três vitórias, sempre com a diferença de mais um golo e passagem à fase seguinte do Euro 2016.  São as previsões da Microsoft, que colocou a sua tecnologia de big data ao serviço de uma área pouco comum – o futebol.

Para prever os resultados dos jogos, a Microsoft recolhe e analisa dados de uma série de fontes e conteúdos online: conteúdo publicado nas redes sociais, dados de utilização de Internet de utilizadores anónimos e o histórico de resultados de jogos entre as duas equipas. É a partir da análise desta informação que a tecnológica prevê a vitória da Seleção Portuguesa frente à Islândia, à Áustria e à Hungria. O sistema também prevê, por exemplo, que a França será a vencedora do jogo inaugural do Euro 2016.

A aplicação disponibilizada oferece dados que explicam porque é que uma equipa temmais hipóteses de ganhar que outra. No caso da Seleção Portuguesa, o elevado número de golos marcados e jogos ganhos no passado são as razões para a vitória na fase de grupos.

No entanto, é sempre possível que haja uma mudança de circunstâncias com influência no resultado final, como a lesão de um jogador. As previsões podem mudar e é para acautelar isso que serão sempre atualizadas 48 horas antes de cada jogo. Ou seja, para garantir que os últimos factos são tidos em conta na previsão final de cada jogo, a Microsoft irá aplicar as suas ferramentas de pesquisa e machine learning aos conteúdos online e redes sociais.

Não é a primeira vez que a Microsoft olha para o futebol – a primeira vez foi com as Previsões Bing no Campeonato do Mundo de Futebol de 2014. Se o desempenho passado for um prenúncio, as coisas vão correr bem: há dois anos, o sistema previu com sucesso 15 de 16 jogos. As Previsões Bing criam primeiro um modelo estatístico que estima a força de cada equipa em termos históricos (vitórias e derrotas, por quanto ganham, local onde jogaram, condições atmosféricas, etc.) e depois incorporam o conhecimento que têm de atividade online e redes sociais, para redefinir e melhorar o modelo. Para cada jogo é definida a probabilidade que cada equipa tem de ganhar e, na fase de grupos também é possível prever a probabilidade de um empate.

As previsões podem ser consultadas neste site.


Clique para ler a bio do autor  Clique para fechar a bio do autor