BetterCloud angaria 25 milhões de dólares

CloudNegócios

Reforçar os serviços de cloud para o Office através do desenvolvimento de ferramentas universais é o objetivo da BetterCloud para rentabilizar o investimento recebido da Accel. O financiamento deverá resultar também na criação de mais de uma centena de postos de trabalho. Focada na construção de ferramentas que simplifiquem e, simultaneamente, melhorem a experiência dos

Reforçar os serviços de cloud para o Office através do desenvolvimento de ferramentas universais é o objetivo da BetterCloud para rentabilizar o investimento recebido da Accel. O financiamento deverá resultar também na criação de mais de uma centena de postos de trabalho.

Cloud2

Focada na construção de ferramentas que simplifiquem e, simultaneamente, melhorem a experiência dos utilizadores relativamente a aplicações e serviços Google e Microsoft, a BetterCloud é uma startup norte-americana que tem na sua lista já mais de 50 mil clientes. Para reforçar o sucesso da empresa, a Accel, firma de investimentos, adiciona 25 milhões de dólares à conta da BetterCloud.

O valor angariado será aplicado no desenvolvimento de ferramentas de gestão, produtividade e segurança para que as empresas retirem o maior partido possível do software a que têm acesso, seja ele o Office 365 da Microsoft (ainda em versão beta) ou o Google Apps. O principal foco é, claro, a cloud e soluções baseadas neste tipo de estrutura que se multiplica, muitas vezes, podendo gerar uma análise e coordenação complexa para as empresas.

David Politis, CEO desta startup, defende, em comunicado, que “o mercado de cloud office mal existia há seis ou sete anos e, hoje, todos os departamentos de TI do mundo estão a planear a sua transição seja para a Google for Work, seja para o Microsoft Office 365”. Por isso mesmo, a aposta da BetterCloud manter-se-á incidente nestas duas plataformas, enquanto Politis prevê um mundo em que “toda a gente vai trabalhar de manhã e vive nas suas aplicações de mensagens e colaboração, fazendo com que o cloud office se torne o nervo central de todas as organizações”.

O investimento da Accel vem contribuir para que o total de financiamento da BetterCloud chegue aos 47 milhões de dólares, neste momento, incluindo outros investidores como a Millennium Technology Value Partners ou a Tribeca Venture Partners.

Para além de alargar o número de funcionalidades disponíveis nos seus produtos, a BetterCloud irá também criar cerca de 120 postos de trabalhos nos seus escritórios de Atlanta onde está a sediada a divisão de Investigação e Desenvolvimento.

O futuro, para Politis, é claro: “temos uma grande visão para o futuro e estamos, realmente, apenas a começar – digo sempre à equipa que isto será uma maratona e não um sprint.


Clique para ler a bio do autor  Clique para fechar a bio do autor