Assembleia-geral da PT SGPS adiada para 22 de janeiro

OperadoresProjetosRedesService-Provider

Os acionistas da PT SGPS optaram por adiar a assembleia-geral que iria dar o parecer da empresa em relação à venda da PT Portugal, por parte da Oi. Tal como se suspeitava, surgiu mesmo a confirmação de que os trabalhos na reunião extraordinária de acionistas da PT SGPS foram suspensos. Os pedidos de suspensão dos

Os acionistas da PT SGPS optaram por adiar a assembleia-geral que iria dar o parecer da empresa em relação à venda da PT Portugal, por parte da Oi.

PORTUGAL TELECOM VA FUSIONNER AVEC L'OPÉRATEUR BRÉSILIEN OI

Tal como se suspeitava, surgiu mesmo a confirmação de que os trabalhos na reunião extraordinária de acionistas da PT SGPS foram suspensos.

Os pedidos de suspensão dos trabalhos foram formulados por acionistas de referência, como o Novo Banco, Telemar, Visabeira, Controlinveste e Ongoing, por pequenos acionistas e pelo sindicado dos trabalhadores, como já tinha sido noticiado esta manhã.

Os acionistas da PT SGPS votaram também a nova data da assembleia-geral: se se realizaria dentro de dez ou 21 dias.

90,03 por cento dos acionistas presentes pediram o adiamento da assembleia-geral por dez dias, realizando-se assim no próximo dia 22 de janeiro, também às 15 horas.


Clique para ler a bio do autor  Clique para fechar a bio do autor