As empresas de segurança exageram nas habilidades dos hackers?

Segurança

Um dos responsáveis máximos pela cibersegurança nacional no Reino Unido acusou as empresas de antivírus de inflamar as capacidades dos cibercriminosos.

Ian Levy, diretor técnico do National Cyber ​​Security Centre do Reino Unido disse em conferência que as empresas que vendem soluções de segurança “exageram de forma massiva as competências dos hackers”.

Na sua opinião, as empresas de antivírus usam essa estratégia para “enfeitiçar” os utilizadores particulares e empresas, e assim serem capazes de vender o seu hardware de segurança e outros, diz a ChannelEye.

Para o diretor, é comum que as empresas de segurança optem por exagerar as capacidades dos cibercriminosos e façam crer os utilizadores que só eles têm a capacidade de derrotar os atacantes.

Nesse sentido, acrescenta que os materiais de marketing utilizados pelos fornecedores de soluções de segurança apresentam os hackers como mentes privilegiadas quando a realidade é muitas vezes diferente, uma vez que a maioria dos ataques que ocorre não são muito sofisticados nem exigem grande conhecimento para serem realizados.


Clique para ler a bio do autor  Clique para fechar a bio do autor