Apresentação de casos de sucesso no Fórum da EMC [atualizado]

CloudEmpresasNegócios

No Fórum 2013 da EMC não foi só a visão da empresa que foi mostrada. Também estiveram presentes as empresas EDP e Cofidis, dois casos de sucesso de que a EMC se orgulha. A EDP é responsável pela produção, transporte e comercialização de energia em todo o mundo. Pedro Enes, responsável pela Arquitetura Tecnológica da

No Fórum 2013 da EMC não foi só a visão da empresa que foi mostrada. Também estiveram presentes as empresas EDP e Cofidis, dois casos de sucesso de que a EMC se orgulha.

1

A EDP é responsável pela produção, transporte e comercialização de energia em todo o mundo. Pedro Enes, responsável pela Arquitetura Tecnológica da EDP, falou sobre as alterações que foram feitas, assim que se aliaram à EMC. “Foi essencial a criação de agilidade e de valor para o negocio”, explica. Em 2005, a EDP decidiu optimizar-se, nomeadamente na área de TI, com o objetivo de diminuir custos.

Em 2010, a empresa expandiu-se para todo o mundo e decidiu implementar um segundo data center (ibérico). Para além do data center, implementaram também um novo modelo de Sourcing, de modo a optimizar e consolidar os datacenters. “O programa de optimização de storage permitiu-nos não investir em storage durante um ano, tornar-nos mais ágeis, ao mesmo tempo que reduzíamos custos”.

Em 2013, criaram um modelo mais ágil, diminuiram custos e criaram condições de negociação (final do contrato de Full Outsourcing). Graças às alterações que foram feitas, a EDP poderá recorrer a serviços Cloud e deseja implementar soluções de orquestração e provisionamento automáticos bem como a possibilidade de migrar dados entre data centers.

O segundo caso de sucesso apresentado foi da empresa Cofidis.

A Cofidis está no mercado português há 17 anos e é uma referência na área do crédito à distância. João Silva da Cofidis garantiu que “apesar do contexto económico não ser o mais favorável, a Cofidis tem continuado a crescer”.

Tal como a EDP, a Cofidis precisava de sofrer algumas alterações. A EMC, em primeiro lugar, procurou perceber quais eram os problemas desta empresa e, posteriormente procurar soluções.

A Cofidis tinha diferentes pontos de gestão, custos de funcionamento e operação muito elevados e uma replicação de dados pouco fiável. A EMC propôs a repartição da capacidade e uma gestão mais simplificada.

A Cofidis conseguiu reduzir custos de funcionamento e incremento de produtividade e rentabilizar a infra-estrutura. O sucesso desta parceria culminou quando desligaram os servidores e foi ativado o plano de Disaster Recovery.


Clique para ler a bio do autor  Clique para fechar a bio do autor