Apple quer aumentar número de vendas online

e-Commercee-Marketing

A Apple reduziu para metade o tempo que demora a reembolsar o dinheiro a clientes da sua loja online que queiram devolver os produtos que compraram. Uma medida que é entendida como crucial para fazer com que haja cada vez mais pessoas a comprar diretamente a partir do site. Segundo informações apuradas pela Reutes, os

A Apple reduziu para metade o tempo que demora a reembolsar o dinheiro a clientes da sua loja online que queiram devolver os produtos que compraram. Uma medida que é entendida como crucial para fazer com que haja cada vez mais pessoas a comprar diretamente a partir do site.

apple

Segundo informações apuradas pela Reutes, os clientes que compram um produto da Apple podem agora ser reembolsados em menos de uma semana, sendo que anteriormente este procedimento levaria cerca de 10 dias. Esta medida acarreta uma despesa adiantada por parte da Apple, mas a empresa poderá tirar dividendos a longo prazo, já que estará a ganhar clientes a outros retalhistas online, cujo maior exemplo é a Amazon.

Por detrás desta capacidade de reembolso mais rápido está o facto da Apple ter passado a utilizar um serviço de expedição que permite aos clientes devolver os itens através de selos pré-pagos que permite aos produtos chegarem aos armazéns do fabricante em três dias.

Para o consumidor, a informação fundamental a reter é que todas estas alterações não irão acarretar custos adicionais. Para a Apple, esta rapidez oferece-lhe uma interessante arma competitiva no mercado de e-commerce.

Refira-se que, de acordo com dados do Internet Retailer, a Apple aumentou 24% as vendas online em 2013, obtendo um total de 18,3 mil milhões de dólares.


Clique para ler a bio do autor  Clique para fechar a bio do autor