Apple prepara-se para a partida de Christie

EmpresasNegócios

Greg Christie, que liderou a equipa de design de software e considerado como o pai da funcionalidade de desbloqueio slide-to-unlock, prepara-se para abandonar a Apple, depois de quase 20 anos na tecnológica. Christie, vice-presidente de Human Interface na Apple, foi essencial no desenvolvimento de muitas funcionalidades do iPhone, entre as quais a de desbloqueio slide-to-unlock

Greg Christie, que liderou a equipa de design de software e considerado como o pai da funcionalidade de desbloqueio slide-to-unlock, prepara-se para abandonar a Apple, depois de quase 20 anos na tecnológica.

slide to unlock

Christie, vice-presidente de Human Interface na Apple, foi essencial no desenvolvimento de muitas funcionalidades do iPhone, entre as quais a de desbloqueio slide-to-unlock cuja patente está registada em seu nome. Esta tecnologia é uma das mais de 12 licenças envolvidas num processo judicial da Apple contra a Samsung, que decorre num tribunal na Califórnia.

Christie foi o inventor de quase uma centena de tecnologias patenteadas da Apple e, segundo o Wall Street Journal, tem mais de 31 aplicações que aguardam o licenciamento.

A saída de Christie vai transladar o segmento de design de software para debaixo da supervisão de Jonathan Ive, vice-presidente de Design Industrial e que monitorizava as equipas de desenvolvimento de software.

Ive foi promovido depois do seu antecessor Forstall ter sido despedido pelo diretor executivo da Apple Tim Cook, no seguimento da trágica introdução da aplicação Maps em setembro de 2012.

Apesar de não ser segredo para ninguém que Ive e Christie não eram os melhores amigos e que, em mais do que uma ocasião, discordaram de decisões de um ou de outro, fontes próximas do assunto disseram que a saída do executivo não se trata de uma imposição, mas de uma escolha do próprio Christie, visto que tem partida marcada para o final deste ano, e não imediata, o que aconteceria caso estivesse a ser forçado a abandonar a empresa.

Esta decisão acontece numa altura em que a Apple está a concentrar todos os seus esforços na finalização da oitava versão o iOS, antes de apresentá-lo na World Wide Developers Conference em junho, que terá lugar em São Francisco, e do seu lançamento global no final deste ano.

A Apple, a um repórter do Financial Times, disse que Christie já havia planeado abandonar a empresa no final deste ano. Contudo, e apesar de dizer que Ive e Christie trabalharam muito proximamente, a Apple não evidenciou uma causa precisa para a saída de Greg Christie.


Clique para ler a bio do autor  Clique para fechar a bio do autor