Apple Pay prestes a chegar ao Reino Unido

Mobilidade

A Apple está a considerar levar o seu sistema de pagamento via iPhone até ao Reino Unido. O serviço poderá ficara operacional no país já este verão. Depois de ter sido lançado em outubro do ano passado nos Estados Unidos, a Apple quer agora expandir o alcance do seu Apple Pay, procurando estrear-se em força

A Apple está a considerar levar o seu sistema de pagamento via iPhone até ao Reino Unido. O serviço poderá ficara operacional no país já este verão.

Apple Pay

Depois de ter sido lançado em outubro do ano passado nos Estados Unidos, a Apple quer agora expandir o alcance do seu Apple Pay, procurando estrear-se em força nos mercados europeus.

As intenções da empresa de Cupertino foram primeiramente avançadas pelo The Telegraph. Citando fontes, o jornal britânico afirmou que o Apple Pay deverá ficar disponível no Reino Unido dentro de cerca de dois meses, sendo que se espera quer estes planos sejam oficialmente confirmados ao longo do dia de hoje, no âmbito da sua conferência anual para programadores em São Francisco, na Califórnia.

As fontes dizem ainda que no último ano a Apple tem estado em negociações com vários bancos e retalhistas, procurando conquistar o apoio de ambas as indústrias para o lançamento do serviço no mercado insular.

A infraestrutura para as operações do Apple Pay estão já instaladas, fruto dos investimentos feitos ao nível de tecnologia contactless para pagamentos (débito e crédito). O Telegraph afirma que os iPhones que suportam o Apple Pay estão equipados com um chip semelhante aos utilizados pelos cartões contactless, já existentes (tecnologia NFC, ou de comunicação por campo de proximidade), pelo que, ao estrear-se no Reino Unido, as operações do serviço da fabricante de smartphones deverão começar de prontamente.

Consta que o serviço de transportes de Londres já aceitava o pagamento através de Apple Pay para turistas advindos dos Estados Unidos, onde o serviço fora já lançado.

No Reino Unido, os gastos através de sistemas contactless assomaram aos 3,16 mil milhões de euros em 2014.


Clique para ler a bio do autor  Clique para fechar a bio do autor