Apple Music vai despromover componente social Connect

AppsMobilidadeSmartphones
0 0 Sem Comentários

A componente de rede social Connect, que era um dos principais atrativos do Apple Music, vai desaparecer da interface do serviço de streaming de música. É uma mudança que deverá ser anunciada já em junho, durante a Worldwide Developers Conference.

Segundo avança o 9to5Mac, a funcionalidade será integrada na página de sugestões do Apple Music quando surgir a próxima versão do sistema operativo, iOS 10. Até aqui, o serviço de streaming tinha três componentes na interface de entrada: Radio 1, Music e Connect.

No entanto, esta parte exclusiva do Apple Music não teve o sucesso esperado – tal como a anterior tentativa de socialização do iTunes, o Ping. A ideia era que os utilizadores tivessem acesso a uma interação única com os artistas, que poderiam partilhar updates e conteúdos exclusivos.

Tal vai continuar a acontecer nas páginas dos artistas, mas a funcionalidade de interação sai da interface e é diluída na parte “For You.”

O CEO da Apple, Tim Cook, revelou na conferência de apresentação de resultados que o Apple Music já tem 13 milhões de subscritores pagantes, um bom indicador da capacidade de conversão do serviço – mas ainda longe do número total de consumidores com conta no iTunes (800 milhões).

A empresa vai apresentar uma nova versão do serviço na conferência mundial de programadores, WWDC, que será lançada depois do verão para todas as plataformas, do iOS ao OS X. Entre as novidades esperadas estão a introdução de letras das músicas, um novo design, uma nova função de pesquisa e mais playlists recomendadas.


Clique para ler a bio do autor  Clique para fechar a bio do autor