Antigo CEO da Motorola junta-se à GlobalFoundries

EmpresasNegócios

A fabricante de chips GlobalFoundries Inc. apontou o antigo chefe da Motorola Mobility Sanjay Jha como CEO, quando a empresa se prepara para investir entre nove a dez mil milhões de dólares nos próximos dois anos numa fábrica de próxima geração de semi condutores. Jha, é um veterano da indústria que presidiu a venda da

A fabricante de chips GlobalFoundries Inc. apontou o antigo chefe da Motorola Mobility Sanjay Jha como CEO, quando a empresa se prepara para investir entre nove a dez mil milhões de dólares nos próximos dois anos numa fábrica de próxima geração de semi condutores.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAJha, é um veterano da indústria que presidiu a venda da Motorola à Google. Sanjay Jha vai substituir Ajit Manocha, que foi apontado como CEO a meio de 2011 e que agora vai servir como conselheiro na Advanced Technology Investment Company (ATIC), de Abu Dhabi, empresa que detém a GlobalFoundries.

Alguns dentro da indústria especulavam que Jha iria para a Intel, cargo entretanto ocupado para Brian Krzanich. Na GlobalFoundries, o antigo chefe da Motorola vai encabeçar a empresa de chips na construção de fábricas de ponta em Malta e Nova Iorque, assim como atualizar as fábricas de Singapura e Alemanha.

A GlobalFoundries compete com fabricantes como a Taiwan Semiconductor Manufacturing que está, igualmente, a investir fortemente em tecnologia para fazer circuitos integrados mais pequenos e baratos.

O crescimento para a indústria global de semi condutores tem abrandado com as vendas de computadores a diminuir e os consumidores a mudarem para dispositivos móveis. Os executivos da ATIC acreditam que os contratos dos fabricantes de chips vai continuar a crescer a um ritmo de dois dígitos.


Clique para ler a bio do autor  Clique para fechar a bio do autor