Amazon regista patente de armazém voador

e-RegulaçãoInovaçãoLegal

Amazon.com registou uma patente para usar aeronaves como armazéns de produtos e servir de base para a sua frota de drones.

O registo mostra que os drones seriam lançados de centros de atendimento aéreos (airborne fulfillment centers – AFCs) dado que seria necessário muito menos energia do que se os drones tivessem de levantar do chão.

Segundo a patente, o  AFC poderá ser um avião que plana a grande altitude (13.700 metros). O reabastecimento de stocks destas unidades seria realizado por shuttles ou aeronaves mais pequenas. Os mesmos estariam posicionados em locais em que a empresa tivesse previsto que a procura por determinado item ia aumentar.

amazonairship

De acordo com a Reuters, a Amazon não esteve disponível para comentários mas é sabido que a empresa pretende usar drones para fazer entregas já em 2017.

A patente já foi registada há dois anos mas só agora foi “descoberta” pela analista Zoe Leavitt da CB Insights.


Clique para ler a bio do autor  Clique para fechar a bio do autor