Alibaba abre novo centro de dados nos EUA e planeia o primeiro para a Europa

CloudData Center

A Alibaba abriu o seu segundo centro de dados em Silicon Valley, fortalecendo os laços com o pólo tecnológico norte-americano. As novas instalações dão corpo à ambição da empresa chinesa sobre o mercado de cloud dos Estados Unidos, onde está em competição direta com a Amazon.

O novo centro de dados, parte de um investimento de mil milhões de dólares da Alibaba no seu negócio global de computação cloud e que surge cerca de seis meses após ter inaugurado o primeiro em Silicon Valley, vai cobrir os mercados da costa ocidental dos Estados Unidos durante os próximos três a cinco anos. O responsável pela internacionalização da unidade cloud da empresa chinesa, Ethan Yu, disse à Bloomberg que a Alibaba está a planear implementar o seu primeiro centro de dados na Europa ao longo do primeiro semestre de 2016.

A Alibaba está confiante de que a sua divisão de computação cloud, a AliCloud, conseguirá impulsionar o seu crescimento durante os próximos dez anos. O website noticioso afirma que a empresa chinesa vai procurar fortalecer este segmento apoiando-se nos setores governamental, financeiro e de jogos online.

Numa entrevista telefónica, Ethan Yu disse que é frequente os serviços AliCloud e AWS, da Amazon, cruzarem o caminho um do outro, pois competem pelo mesmo mercado.

O negócio de cloud da Alibaba ainda representa uma escassa porção do volume de receitas da empresa, mas esta vai procurar torná-lo um dos seus segmentos mais fortes, tirando partido das necessidades crescentes de armazenamento e processamento de dados.


Clique para ler a bio do autor  Clique para fechar a bio do autor