Airbus lança tecnologia de realidade virtual 3D Power-wall

InovaçãoWearable
0 0 Sem Comentários

A Airbus desenvolveu um sistema de realidade virtual que permitirá antecipar o interior das suas futuras cabines. A ideia é dar ferramentas aos executivos das companhias aéreas, que precisam de diferenciar o design interior dos seus aviões.

A 3D Power-wall é uma produção do Airbus Innovation Centre, e mistura ferramentas de design e visualização com 3D e realidade virtual. A construtora aeronáutica apresentou o conceito por detrás da tecnologia num vídeo, onde refere que foi buscar as “melhores ideias” dos videojogos, do cinema e dos seus engenheiros de software para “transformar a criação do design das cabines interiores.”

Michael Lau, gestor do programa de Design de Cabine da Airbus, explica que o processo costumava ser muito mais lento, com desenhos 2D e muitos catálogos. Agora, com ambientes virtuais, é quase instantâneo.

“Significa que o cliente consegue ver o que vai receber logo no início do processo, algo que é novo dentro da indústria”, afirma o responsável. É algo inovador para as companhias aéreas e para os fabricantes que vão fornecer os elementos da cabine, poderem ver e decidirem no momento como é que será o interior do A350 XWB, desde a iluminação à carpete. Ou seja, o tempo que demora a escolher o design e a vê-lo instalado é reduzido, o que tem efeitos também nos custos.

“É único na nossa forma de trabalhar, para suportar a definição e ajudar os clientes a definirem as suas próprias cabines”, acrescenta Michael Lau, ressalvando que a Airbus levou o conceito um passo à frente. Os óculos com pequenas bolas nos lados, como se vê na imagem, permitem ao cliente “mergulhar” na cabine virtual.

“Já vimos 3D antes e agora estamos lá dentro: é o 3D imersivo“, explica Michael Lau. O sistema reconhece a posição da pessoa que usa os óculos especiais e reage conforme as suas ações. Por exemplo, é possível perceber quão prático será o corredor para circular com o carro de bebidas.

No futuro, a Airbus pretende adicionar sensores táteis, para que o cliente possa testar o conforto dos assentos que escolher para a sua cabine personalizada.


Clique para ler a bio do autor  Clique para fechar a bio do autor