AICEP promove startups e Web Summit nos Estados Unidos

NegóciosStartup
0 4 Sem Comentários

A AICEP – Agência para o investimento e Comércio Externo de Portugal está em roadshow nos Estados Unidos para promover Portugal como nação de startups. O presidente Miguel Frasquilho estará esta semana em Nova Iorque e em São Francisco na próxima.

Esta é uma iniciativa de follow-up ao roadshow de Investimento de setembro de 2015 em Nova Iorque, Texas e Califórnia, tendo como uma das âncoras a realização do Web Summit em Lisboa, já em novembro. A AICEP pretende desenvolver contactos com investidores institucionais, fundos de investimento privados e investidores em áreas de serviços, promovendo a cena nacional de startups em vários eventos.

“É importante mostrar aos empreendedores, investidores e grandes empresas mundiais de novas tecnologias que Portugal é o contexto, e não apenas o novo palco, da Web Summit, entusiasmando-os a apostar no nosso ecossistema”, explica o presidente da AICEP, Miguel Frasquilho.

O objetivo é valorizar as relações bilaterais, que têm ganho maior relevo na economia portuguesa – as exportações de bens e serviços para os EUA duplicaram em cinco anos e atingiram 2,5 mil milhões de euros em 2015, um crescimento homólogo de 22%. Esta subida permite ter uma taxa de cobertura das exportações pelas importações de 266%. Estão previstas reuniões com exportadores de têxteis, vinhos, confeções e equipamento industrial.

Em Nova Iorque, Miguel Frasquilho vai participar no evento “Portugal, a new Start-up Nation”, dirigido a empresários, que se realiza num dos mais aceleradores de inovação mais importantes da cidade Made in NY Media Center. A sessão contará também com Rui Lima Miranda, CEO da Nutri Ventures, Paulo Melo, partner da DoDoc e João Maia, sócio-gerente da RunTime Revolution.

Ainda na costa Este, o presidente da AICEP será orador convidado numa sessão do “Think Tank Portugal”, um encontro que reúne altos executivos portugueses a trabalhar em empresas norte-americanas e instituições internacionais em Nova Iorque.

Já na Califórnia, Miguel Frasquilho tem marcadas visitas às sedes da Apple (Cupertino) e Google (Mountain View). A sua intenção é “dar a conhecer a rápida internacionalização do ecossistema português, com as nossas startups a tornar-se globais e cada vez mais empreendedores estrangeiros a escolher Portugal para desenvolver e lançar os seus projetos.” É aqui que a realização do Web Summit em Lisboa de 7 a 10 de novembro será focado para “colocar Portugal no mapa de startup hubs.”

Haverá um evento em São Francisco com tecnologia e vinho made in Portugal com um painel onde participarão Nuno Sebastião, CEO da Feedzai, Gadi Shamia, COO da Talkdesk, Ricardo Oliveira, CTO da ThousandEyes, Sofia Pessanha, CMO da Unbabel e Pedro Vieira, executivo da West to West.

Na agenda está a promoção de Portugal como destino de investimento em Tecnologias de Informação e Comunicação, centros de dados, serviços partilhados e outsourcing de competências e processos de negócio.

“A AICEP aborda ainda o ecossistema para startups em São Francisco nas vertentes mais adequadas ao estágio de maturação das empresas portuguesas, como venture capital de financiamento semente, aceleradoras e incubadoras para scaleups, e novos players globais de tecnologia financeira (FinTech) e de turismo”, indica a agência.


Clique para ler a bio do autor  Clique para fechar a bio do autor