Agap2 líder em ranking de crescimento

EmpresasNegócios

A Agap2 ocupa o primeiro lugar no ranking Technology Fast 5 da Deloitte, desenvolvido no mercado francês e que distingue empresas de tecnologia com um elevado grau de crescimento. A distinção da Agap2 foi atribuída com base no crescimento de 680 por cento dos resultados de vendas obtido pela consultora, durante o período entre 2008

A Agap2 ocupa o primeiro lugar no ranking Technology Fast 5 da Deloitte, desenvolvido no mercado francês e que distingue empresas de tecnologia com um elevado grau de crescimento. A distinção da Agap2 foi atribuída com base no crescimento de 680 por cento dos resultados de vendas obtido pela consultora, durante o período entre 2008 e 2012.

Franck_DeschodtPara Franck Deschodt, Administrador da Agap2, a posição alcançada neste ranking de referência é resultado da equipa da consultora, uma vez que O sucesso depende da expertise técnica e do profundo conhecimento dos setores nos quais operamos. Possuímos um posicionamento e uma reputação sustentados nos colaboradores, que são efetivamente a imagem da empresa, e que transmitem essa visão no dia-a-dia”.

Recrutar os melhores profissionais, associado a um conjunto relevante de prospects, constitui a chave para o crescimento da Agap2. Por este motivo, a Agap2 dedica este prémio a todos os seus colaboradores.

O programa Technology Fast 50 começou em 1995 em San Jose, na Califórnia, no coração do Sillicion Valley, e estendeu-se depois à totalidade dos Estados Unidos, Reino Unido, Canadá, Israel e França. Encontra-se atualmente presente em mais de 40 países e regiões a nível global. Foi criado com o intuito de medir o valor da contribuição das empresas de tecnologia para o crescimento económico.

O ranking Fast 5 distingue as empresas com valores de crescimento mais relevantes num período de cinco anos, sendo esta inclusão no ranking da Deloitte a expressão visível de uma posição de liderança no mercado francês e para a qual são fundamentais qualidades excecionais num setor altamente competitivo.


Clique para ler a bio do autor  Clique para fechar a bio do autor