AESA permite smartphones em todo o voo

EmpresasNegócios

A Agência Europeia para a Segurança da Aviação (AESA) atualizou as orientações de segurança e passa a ser possível, formalmente, utilizar dispositivos eletrónicos durante todo o voo. Em novembro foi aprovada a alteração que passa a permitir a utilização de dispositivos eletrónicos durante todo o tempo do voo, onde se inclui a descolagem e aterragem

A Agência Europeia para a Segurança da Aviação (AESA) atualizou as orientações de segurança e passa a ser possível, formalmente, utilizar dispositivos eletrónicos durante todo o voo.

CellphoneEm novembro foi aprovada a alteração que passa a permitir a utilização de dispositivos eletrónicos durante todo o tempo do voo, onde se inclui a descolagem e aterragem onde antes era restrita. A medida aplica-se a smartphones, tablets e leitores de música digital e mantém a ligação restrita do “modo de voo”. A possibilidade de usar os equipamentos durante toda a viagem em modo de transmissão está em estudo, esperando-se novidades no próximo ano.

A AESA está a analisar os impactos da utilização em modo contínuo do bluetooth, Wi-Fi e rede móvel. A ligação à rede a bordo de um avião só é permitida a aviões que estejam equipados e apenas em altitude de “cruzeiro”.

A Comissão Europeia espera que as companhias aéreas ponham esta alteração em prática nas próximas semanas.


Clique para ler a bio do autor  Clique para fechar a bio do autor