Acer cresce 4,3% no trimestre através de investimentos em VR

GestãoNegóciosResultados
0 0 Sem Comentários

O conselho de administração da Acer aprovou os resultados financeiros referentes ao terceiro trimestre de 2016, com receitas consolidadas de 1.87 mil milhões de dólares. Foi um aumento de 4,3% quando comparado ao trimestre homólogo do ano anterior.

Já os lucros operacionais alcançaram os 15 milhões de dólares, com uma margem de 0,8%, o que reflete a redução de despesas operacionais em 10,2% resultantes de um controlo de custos efetivos implementado na Acer. Mas as boas notícias foram mesmo nos resultados líquidos, que atingiram os 7,9 milhões de dólares e refletem uma subida anualizada de 30,3%.

Foi um trimestre com números interessantes para a Acer, apesar de uma quebra nos primeiros noves meses do ano. É um momento em que a empresa está a investir forte no segmento de realidade virtual. Anunciou uma parceria com a StarBreeze em maio, lançou os óculos StarVR dois meses depois e agora está a trabalhar em uma versão saída do Windows 10 Creators Update. 

“Os resultados mostram que a Acer manteve a rentabilidade durante o decurso da sua transição”, diz a companhia, em comunicado. “A empresa, além de desenvolver inovações significativas que vão ao encontro das necessidades dos utilizadores, também continua a explorar e expandir as suas fronteiras, com novas iniciativas na realidade virtual (VR) e benefícios tecnológicos nas indústrias de cuidados de saúde a idosos, veterinárias e desportivas”, complementa.

Olhando para o cumulativo entre o primeiro e terceiro trimestres de 2016, as receitas consolidadas foram de 5.45 mil milhões de dólares, uma descida anual de 12,4%. Os lucros operacionais nesse período foram de 33,8 mil milhões, e os resultados líquidos de 26,6 mil milhões de dólares.


Clique para ler a bio do autor  Clique para fechar a bio do autor