600 empreendedores e investidores reunidos no Explorers Festival

EmpresasNegócios

Mais de 600 empreendedores e investidores de todo o mundo, o astronauta da ESA Jean-François Clervoy e o surfista Garrett McNamara vão reunir-se em Lisboa, de 1 a 8 de novembro, no Explorers Festival, um dos maiores eventos de empreendedorismo da Europa. O evento é “obrigatório para todos os atuais e futuros empreendedores”, segundo Pedro

Mais de 600 empreendedores e investidores de todo o mundo, o astronauta da ESA Jean-François Clervoy e o surfista Garrett McNamara vão reunir-se em Lisboa, de 1 a 8 de novembro, no Explorers Festival, um dos maiores eventos de empreendedorismo da Europa.

Explorers 4O evento é “obrigatório para todos os atuais e futuros empreendedores”, segundo Pedro Rocha Vieira, presidente da Beta-i, empresa organizadora do evento. “Desde a empreendedores que venderam a sua startup à Google e à Amazon, até profissionais da agência criativa IDEO, o Explorers Festival traz as ferramentas, inspiração e conhecimento que empreendedores e empresários necessitam para vingar no mundo competitivo e global de hoje em dia”.

Hahna Alexander trabalhou na Nasa e na Carnegie Mellon até que fundou a SolePower, uma empresa que criou solas de sapato capazes de recarregar telemóveis; Gerald Heydenreich conseguiu vender a sua startup à Amazon e neste momento é, ele próprio, um investidor; Filipe Matos tinha 16 anos quando fez a sua primeira app e já criou mais de dez startups. Estas são algumas das personalidades que estarão presentes neste festival, um evento não lucrativo que pretende servir para a partilha de conhecimento e ideias entre pessoas de diversos backgrounds.

“Já temos presentemente mais de 400 bilhetes vendidos e mais de 20 países representados”, explica Pedro Rocha Vieira. “Este é mais um claro exemplo de que Lisboa está a tornar-se cada vez mais um startup hub na Europa, atraindo empresas e empreendedores de países tão longínquos como Estados Unidos, Bulgária, Índia e Nigéria, entre outros”. A organização conta ter, no total, mais de 600 participantes de todo o mundo “a discutir e a promover o empreendedorismo em Portugal e na Europa”.

O evento é composto por três eventos principais: o Explorers Bootcamp, Explorers Toolbox e a Explorers Conference.

O Explorers Bootcamp, de 1 a 3 de novembro, com a coordenação da Marinha Portuguesa, trata-se de um treino intensivo de liderança para fundadores de startups, CEOs e todos aqueles que pretendam aperfeiçoar as suas capacidades de liderança e tem como objetivo testar os limites dos participantes, com vista ao fortalecimento da liderança empresarial.

O Explorers Toolbox, de 6 a 7 de novembro, tem como objetivo dotar os participantes de todas as ferramentas e soluções necessárias a qualquer empreendedor. Para além de um marketplace das soluções, conta com vários workshops e demos sobre as mais recentes ferramentas.

A Conferência do Explorers Festival, a 8 de novembro, visa explorar diferentes temas como o desenvolvimento de produtos, design de serviços, apresentação de ideias e tecnologias inovadoras por parte de startups internacionais, investidores, cientistas, exploradores, entre outros.

O Explorers Festival conta com a parceria da Câmara Municipal de Lisboa e da Marinha Portuguesa e os bilhetes “extremamente limitados” já podem ser adquiridos.


Clique para ler a bio do autor  Clique para fechar a bio do autor