Pentágono, Apple e Boeing aliam-se no desenvolvimento de tecnologias híbridas

EmpresasInovaçãoNegóciosWearable

O Pentágono aliou-se à Apple, Boeing e à Universidade de Harvard, bem como a outras empresas, para desenvolver tecnologias híbridas para o setor de defesa.

Segundo a Reuters, o desenvolvimento rápido de novas tecnologias está a forçar o Pentágono a procurar parcerias com setores privados em vez de desenvolver tecnologia por si só.

“Nós temos incentivado o Pentágono a pensar ‘fora da caixa’ e a investir em inovação aqui em Silicon Valley e em comunidades tecnológicas espalhadas por todo o país”, refere o secretário da defesa Ash Carter, citado pela Reuters.

O objetivo desta iniciativa é criar uma peça de tecnologia, carregada com sensores, que podem ser usados por soldados, ou até mesmo serem moldados para serem acoplados no exterior de um jato.

A contribuição do governo norte-americano será de 75 milhões de dólares ao longo de cinco anos e as companhias privadas irão acrescentar 90 milhões de dólares. Os governos locais contribuirão com mais recursos, somando um investimento total de 171 milhões de dólares.


Clique para ler a bio do autor  Clique para fechar a bio do autor