QlikTech e a Teradata apresentam o QlikView Direct Discovery

EmpresasNegócios

Além disso, o conhecimento dos armazéns da Teradata pode ser implementado num ambiente móvel QlikView ou numa experiência social e colaborativa.

O Direct Discovery da QlikTech vai ser disponibilizado gratuitamente com a atualização da Versão 11 do QlikView, disponível a partir do presente mê

A QlikTech e a Teradata uniram-se com o objetivo de oferecer ao mercado a capacidade de combinar dados integrados em memória QlikView com Armazéns de Dados Integrados Empresariais da Teradata, através de um novo recurso chamado Direct Discovery, que endereça o fenómeno de Big Data. Deste modo, o recém-anunciado Direct Discovery da QlikView elimina a necessidade de descarregar grandes fontes de dados em memória, permitindo que o QlikView passe a aceder diretamente às informações no Armazém de Dados Integrados Empresariais da Teradata, exibindo as análises numa janela de visualização ou painel QlikView.

“Observámos a enorme procura por parte dos clientes para controlarem os seus conjuntos de Big Data da Teradata no interface visual familiar de uma aplicação QlikView. (…) Como líder do mercado de análise de dados, a Teradata é um ajuste natural para os nossos clientes empresariais que querem tirar partido do big data com velocidade, volume e variedade. Estamos entusiasmados em oferecer análises complexas apresentadas de uma forma que é simples de implantar e divertida de consultar” explica Anthony Deighton, Director de Tecnologia da QlikTech.

Com esta inovação os clientes irão usufruir de uma análise mais exaustiva e unificada tendo a vantagem de expandir a sua análise aos dados dentro de um armazém de dados da Teradata, além de outras fontes de dados. Deste modo será possível otimizar o ambiente para decidir que dados são usados em memória integrada ou acedidos de forma dinâmica externamente. O conhecimento da utilização de dados é outra vantagem de que os clientes beneficiarão. Com o Governance Dashboard da QlikView, as Direcções de Sistemas de Informação (DSI) podem ver quais são os dados utilizados com mais frequência numa aplicação QlikView, independentemente de terem sido armazenados em Teradata ou noutra fonte. Esta análise pode ser usada para ajudar as DSI a desenvolver um caminho de migração para novos dados para Armazéns de Dados Empresariais, onde podem ser usados por outras aplicações corporativas e obter o benefício da segurança, carácter prático e desempenho da Teradata. Acresce que é fácil de implementar, estando já disponível para os clientes da Teradata, o rápido desenvolvimento de aplicações da experiência associativa de dados QlikView.

Os utilizadores ganham ainda acesso de alto desempenho sem extratos ou silos de dados complicados. Mantêm todas as opções de pesquisa associativa do QlikView e a capacidade de explorar livremente as informações sem estarem confinados a um conjunto limitado de dados ou a um caminho definido de perguntas. Além disso, o conhecimento dos armazéns da Teradata pode ser implementado num ambiente móvel QlikView ou numa experiência social e colaborativa.

O Direct Discovery da QlikTech vai ser disponibilizado gratuitamente com a atualização da Versão 11 do QlikView, disponível a partir do presente mês.


Autor: admin
Clique para ler a bio do autor  Clique para fechar a bio do autor