A democracia eletrónica chega à Assembleia Regional dos Açores

EmpresasNegócios

A solução Windows Azure da Microsoft representa, desta forma, um importante fator de cidadania e democratização eletrónica no arquipélago dos Açores.

A Assembleia Legislativa da Região Autónoma dos Açores adotou recentemente o Windows Azure da Microsoft. Esta versão do Windows para a “cloud”, tem o objetivo de democratizar o acesso eletrónico, em vídeo e on-time, dos conteúdos e trabalhos do Parlamento Regional. Deste modo, a sua posterior pesquisa será mais fácil de realizar, seja por parte dos diferentes grupos parlamentares, seja pelo público em geral.

Esta solução vem preencher uma lacuna patente no acesso e pesquisa de conteúdos, pois não existia um arquivo dos vários plenários e reuniões públicas gravados em vídeo que permitisse uma pesquisa posterior consistente.

Assim, será agora possível efetuar uma pesquisa numa base de dados, alojada na nuvem (cloud), não apenas obtendo resultados textuais, como também audiovisuais. As gravações estarão disponíveis online em menos de 24 horas depois da sua apresentação.

Segundo a Secretária da Assembleia Legislativa Regional dos Açores, Sandra Costa “As especificidades de sermos um arquipélago exigem opções estratégicas acertadas e eficazes e a solução Windows Azure revelou-se determinante pela oferta de um patamar de funcionalidade superior ao anteriormente existente, mas sobretudo porque através desta se pretende fomentar o interesse dos cidadãos pela vertente legislativa, envolvendo-os como ativo fundamental em todo este processo.”

O investimento inicial é reduzido, pois não há investimento de infraestrutura e os custos de manutenção e administração são bastante reduzidos. A solução Windows Azure da Microsoft representa, desta forma, um importante fator de cidadania e democratização eletrónica no arquipélago dos Açores.


Autor: admin
Clique para ler a bio do autor  Clique para fechar a bio do autor