2011 trouxe resultados positivos para a Toshiba Portugal

EmpresasNegócios

Ainda assim, a Toshiba Portugal destaca-se entre as subsidiárias europeias, sendo Portugal o único país onde, em 2011, a Toshiba detém a maior quota de mercado, atingindo a liderança.
 
No mercado das televisões, que em 2011 atingiu as 825 mil unidades, refletindo um ligeiro crescimento, a Tos

Acompanhando o comportamento do mercado, que cai de um milhão de portáteis vendidos em 2010 para 761 mil em 2011, a Toshiba Portugal regista também um número de unidades vendidas inferior em relação ao ano anterior, fixado em 155 mil portáteis. Ainda assim, a Toshiba Portugal destaca-se entre as subsidiárias europeias, sendo Portugal o único país onde, em 2011, a Toshiba detém a maior quota de mercado, atingindo a liderança.
 
No mercado das televisões, que em 2011 atingiu as 825 mil unidades, refletindo um ligeiro crescimento, a Toshiba Portugal registou um comportamento positivo, chegando às 37.400 unidades vendidas e reforçando a sua posição no top 4 do mercado nacional.
 
Para João Amaral, diretor-geral da Toshiba Portugal, “estes resultados são encarados com otimismo, na medida em que comprovam que a estratégia adotada pela Toshiba, assente na consolidação e na sustentabilidade do negócio, é acertada”.
 
Para o futuro, “a Toshiba manterá como princípios orientadores da sua atuação a diferenciação pela inovação e fiabilidade dos seus equipamentos, no sentido de manter nos 20% a quota de mercado dos PCs e de consolidar a quota de 5% nas TVs”, acrescenta João Amaral.
 
A aposta da marca será em produtos inovadores e que “irão revolucionar a forma como usaremos a tecnologia”, tais como o ultrabook mais leve e o tablet mais fino do mundo, no mercado da mobilidade, e TVs que permitem visualizar 3D sem óculos e painéis com resolução 4 vezes superiores ao fullHD.


Autor: admin
Clique para ler a bio do autor  Clique para fechar a bio do autor