29 de Janeiro de 2015

Startup Braga realiza primeiro Demo Day com sete empresas

A Startup Braga promove o primeiro Demo Day, um evento que reúne empresas, investidores e utilizadores. Em causa estão sete startups em programas de aceleração que já conseguiram angariar mais de 1,5 milhão de euros. É o primeiro Demo Day da Startup Braga, evento que dá a possibilidade a sete empresas de exporem os seus projetos a potenciais

Empresas procuram PC topo de gama e atenuam queda do mercado

São as empresas que alimentam o mercado de computadores pessoas topo de gama, disse um executivo da Intel. Preocupações com segurança e eficiência levam a que cada vez mais as organizações substituam as suas frotas de PC obsoletos. Os processadores vPro, de acordo com Tom Garrison, representam 20 por cento do ramo empresarial do negócio

Alibaba desilude com resultados que falham estimativas

As ações da Alibaba caíram mais de dez por cento, para 88,75 dólares. A queda aconteceu no encalço da revelação dos resultados do terceiro trimestres da empresa, que ficaram aquém das expectativas. O Golias do comércio eletrónico tropeçou e caiu, perdendo, segundo a Reuters, mais de 25 milhões de dólares da sua quota de mercado.

App portuguesa Storyo chega ao Android

A aplicação portuguesa Storyo já está disponível para Android. Depois de quase um ano como exclusiva do iOS, a app chega agora aos dispositivos da Google. Criada em 2013 por Filipe Vasconcellos (CEO), Leonel Duarte (diretor criativo) e Manuel Costa (CTO), a aplicação Storyo foi só lançada em julho do ano seguinte. Tendo inicialmente sido

Microsoft lança Outlook para Android e iOS

A partir de hoje existe uma nova aplicação do serviço de correio eletrónico Outlook para Android e iOS. A Microsoft baseou-se no já comprovado modelo da Acompli para reformular a sua aplicação. A Microsoft anunciou o lançamento da aplicação Outlook para os sistemas operativos Android e iOS, com uma roupagem renovada e que deverá está

Comércio mobile deve aumentar durante os próximos anos [atualizado]

O comércio eletrónico móvel, ou m-commerce, atingirá os 626 mil milhões de dólares em 2018, de acordo com dados avançados pela Goldman Sachs. O aumento é fruto do crescente número de dispositivos móveis e da reconfiguração dos comportamentos de consumo. De acordo com dados da Goldman Sachs, em 2014 gastaram-se, a nível mundial, cerca de