Seis aplicações portuguesas no European AppCup

EmpresasNegóciosSoftware

A competição de aplicações é feita para Windows 8 e Windows Phone e é promovida pela empresa Microsoft. As aplicações finalistas vão ser conhecidas no dia 17 de fevereiro. A prova divide-se em duas categorias, uma ligada ao segmento empresarial (B2B) e outro mais virado para o utilizador final (B2C). Relativamente aos critérios que vão

A competição de aplicações é feita para Windows 8 e Windows Phone e é promovida pela empresa Microsoft. As aplicações finalistas vão ser conhecidas no dia 17 de fevereiro.

apps

A prova divide-se em duas categorias, uma ligada ao segmento empresarial (B2B) e outro mais virado para o utilizador final (B2C).

Relativamente aos critérios que vão ser avaliados, serão a inovação e originalidade da aplicação, a experiência de utilização com base no Windows e a oportunidade de mercado do software. Aqui, as aplicações portuguesas vão competir com as mais inovadoras ideias das melhores empresas de tecnologia europeias.

Serão doze, depois os finalistas selecionados no European AppCup. Finalistas esses que vão disputar o IAMCP/BizSpark Summit que vai decorrer em Bruxelas entre os dias 4 e 6 de março. Aí todos terão a oportunidade de fazer uma apresentação, um último esforço para tentar arrecadar a distinção de melhor aplicação europeia do ano.

A Microsoft é uma empresa mundial de tecnologia dos Estados Unidos que desenvolve software, conteúdos eletrónicos e dá suporte a vários produtos e serviços relacionados com a atividade de computação.


Clique para ler a bio do autor  Clique para fechar a bio do autor